top of page

Sindsepa denuncia más condições de trabalho na TCA ao Ministério Público do Trabalho de Campinas

O Ministério Público do Trabalho de Campinas (MPT) acatou a denúncia feita pelo SindSepa (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Araras) referente às más condições laborais na TCA (Transportes Coletivos).


Crédito: Divulgação

Entre os pontos elencados está o refeitório dos trabalhadores que apresenta sérios problemas, incluindo forro de PVC danificado e ninhos de pombas, o que gera mau odor e risco de contaminação durante as refeições.


Além disso, foram apontadas falhas nas estruturas externas, com telhas quebradas e presença abundante de pombos, colocando em risco a saúde dos funcionários e passageiros.


A frota de ônibus, em sua maioria alugada, não está de acordo com as especificações da licitação, ou sejam, os veículos estão com mais de 13 anos de uso e capacidade abaixo do exigido, além de bancos danificados.


Os micro-ônibus escolares da autarquia também foram citados devido as péssimas condições, inclusive já foram autuados por falta de equipamentos de segurança.


A ausência de eleições para a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) e as más condições dos banheiros completam o quadro de irregularidades apontadas pelo SindSepa.


Essa é uma das inúmeras denúncias realizadas pelo Sindicato contra a administração municipal.


TEXTO: REPRODUÇÃO SINDSEPA

Comments


bottom of page