top of page

Vereadores aprovam crédito adicional ao TCA, gestão sofre com várias críticas

No meio das polêmicas envolvendo a gestão e problemas do TCA (Serviço Municipal de Transportes Coletivos de Araras) a Câmara aprovou o Projeto de Lei nº 118/2023 do Executivo que disponibiliza verba de R$ 5 milhões a autarquia, por meio da abertura de crédito adicional suplementar por excesso de arrecadação.


Os vereadores aprovaram o projeto, por nove votos favoráveis, com ausência justificada da vereadora Elaine Brambilla (PSD). Apesar de todos os vereadores presentes serem favoráveis à verba destinada ao SMTCA, a 41ª Sessão Ordinária foi marcada por longas discussões sobre essa autarquia, as quais não se limitaram ao Projeto de Lei nº 118/2023.


“Meu voto é favorável, porém temos que lutar por todos os funcionários públicos que estão dentro da autarquia, que acreditam no nosso trabalho, para todos os usuários do transporte coletivo e para a nossa autarquia, por um serviço digno de qualidade.”, disse a vereadora Ana Júlia Casagrande (PSDB).


Em relação ao Projeto de Lei Complementar nº 28/2023, que extingue a autarquia e cria a Secretaria, alguns vereadores se declararam favoráveis à mudança. Já outros defenderam o posicionamento de não desistir da autarquia e buscar outras vias para os problemas atuais, principalmente àqueles relacionados ao financeiro e aos trabalhadores da autarquia.


“Nós tivemos um amplo debate dando a oportunidade tanto de uma audiência pública ouvir os próprios servidores. E dentro desse amplo debate eu não senti uma zona de conforto de que seria a melhor opção de o município colocar como secretaria de transporte nesse momento. Acho que o transporte coletivo da nossa cidade ainda tem salvação, tem condição, só que também nós precisamos ser realistas na concepção, na criação, da autarquia: ficou com o fim social. O município tem obrigação de fazer aportes econômicos e repassar os valores.”, opinou o vereador e vice-presidente, Rodrigo Soares dos Santos (PSDB).


Durante a Sessão Ordinária, a presidente da Câmara Municipal de Araras, Mirian Vanessa Pires (PSD), abriu votação para o pedido de convocação do presidente do TCA comparecer na Câmara Municipal de Araras. A convocação foi aprovada por 10 votos favoráveis, com ausência justificada da vereadora Elaine Brambilla (PSD).

TEXTO:REPRODUÇÃO CÂMARA DE ARARAS

Comments


bottom of page